Imprimir
Categoria: Notícias
Acessos: 48

As ruas de Belém foram ocupadas na manhã desta quinta, 8, pela Carreata da Democracia, para denunciar as ameaças de intervenção do governo Bolsonaro na UFPA e exigir a nomeação imediata do reitor eleito, professor Emmanuel Tourinho.

Sob forte sol, professores, estudantes e servidores técnico-administrativos saíram do campus da UFPA, no bairro no Guamá, percorrendo as avenidas Bernardo Sayão, José Bonifácio, José Malcher, Doca de Souza Franco, Castilhos França e Presidente Vargas até a Praça da República, onde a manifestação encerrou.

Ao longo do percurso, a diretoria da ADUFPA destacou a importância da UFPA se manter enquanto espaço democrático e denunciou os ataques de Bolsonaro à autonomia universitária. "A democracia e a autonomia universitária são garantias de que a UFPA vai continuar desenvolvendo pesquisas e serviços em benefício dos povos da Amazônia", afirmou a diretora-adjunta da ADUFPA, Edivania Alves.

As mobilizações da comunidade universitária em defesa da nomeação de Emmanuel Tourinho como reitor continuam. Na terça-feira, 13, as três categorias promovem um novo ato público em defesa da democracia e da autonomia universitária. Desta vez, será a partir das 8 horas, no hall da reitoria. Todos e todas estão convocados e convocadas para fortalecerem a luta pela democracia e autonomia na UFPA.